•  

    VI CONAPE - FEBRAPAM

 

Visão 3600

para o pleno desenvolvimento da justiça

Caros Colegas!

É com grande satisfação que a FEBRAPAM – Federação Brasileira das Associações de Peritos, Árbitros, Mediadores e Conciliadores e as Associações de Peritos de Goiás (ASPECON), do Mato Grosso (ASPERCON) e do Distrito Federal (INPECON) por meio da Comissão Organizadora, tem a honra de convidá-los para o 6° CONAPE - Congresso Nacional de Perícias Judiciais cujo tema deste ano é: "Visão 360º para o pleno desenvolvimento da Justiça”

O I CONAPE, idealizado pela ASPEJUDI, foi realizado em Belo Horizonte/MG em 1999 com o apoio da FEBRAPAM e demais Associadas, tendo como tema “A importância do Perito Judicial na Convicção do Juiz”.

Os Congressos Nacionais de Perícias já se tornaram uma tradição para os profissionais que atuam nessa área no nosso País.

Mantendo a tradição por debater temas atuais, o mercado e promover uma interlocução com o Judiciário vieram quatro outros CONAPEs, sendo:

- II CONAPE com o tema O Perito e os Rumos da Atividade Profissional realizado em 2001 em Porto Alegre/RS;

- III CONAPE com o tema A Valorização do Perito Judicial como Profissional realizado em 2003 na Capital Paulista;

- IV CONAPE com o tema Conhecimento e Ética para uma Justiça Cidadã realizado em 2013 na cidade de Belo Horizonte/MG e

- V CONAPE com o tema A Perícia Judicial e Arbitragem no momento atual e o desafio do futuro realizado em 2015 na cidade do Rio de Janeiro.

Novos desafios surgiram e irmanados no mesmo propósito para “unir experiências e ampliar conhecimento” dos profissionais que atuam ou pretendem atuar como perito, árbitro, mediador e conciliador com uma interlocução direta com o Judiciário e Entidades Congraçadas é que mantemos o compromisso de realizar a Sexta edição do CONAPE.

O Congresso será uma oportunidade ímpar para renovação do conhecimento, capacitação, troca de experiências e interação entre colegas, pensadores e autores renomados, lideranças classistas, profissionais e servidores públicos nas diversas palestras e workshops que serão realizados no 6º CONAPE.

Estarão reunidos nos dias 26 a 28 de novembro de 2017 no nosso Centro Oeste, na cidade de Goiânia/GO, numa integração de saberes, peritos judiciais, extra judiciais, árbitros, mediadores, conciliadores, professores e estudantes, desembargadores, juízes, envolvendo as áreas de Contabilidade, Administração, Arbitragem, Economia, Engenharia, Grafotécnica, Informática, Medicina e Meio Ambiente.

Estamos esperando por Você para descobrir e contribuir para uma “Visão 360º para o pleno desenvolvimento da Justiça”!

 

Até lá,

 

Sandra Batista

Presidente da FEBRAPAM

Coordenadora da Comissão Organizadora do VI CONAPE

corganizadora-viconape@febrapam.org.br

 

João Luis Aguiar

Presidente da ASPECON-GO

Coordenador Financeiro do VI CONAPE

financeiro-viconape@febrapam.org.br

 

Edson Francisco Perusseli

Presidente da ASPERCON-MT

Coordenador Regional

 

Erlene Alves Arruda

Presidente do INPECON-DF

Coordenadora Regional

apoio-viconape@febrapam.org.br

 

Msc. Idalberto José das Neves Júnior

Coordenador Científico

ccientifica-viconape@febrapam.org.br

de 26 a 28 de novembro de 2017 no k hotel

em goiania-go

Goiânia possui hoje mais de 1,3 milhão de habitantes. Distante 209 quilômetros de Brasília e com área aproximada de 740 quilômetros quadrados, a cidade possui uma geografia contínua, com poucos morros e baixadas, tendo terras planas na maior parte de seu território, com destaque para o Rio Meia Ponte.

Em 24 de outubro de 1933, em local determinado por Atílio Correia Lima, - um planalto onde atualmente se encontra o Palácio das Esmeraldas, na Praça Cívica -, Pedro Ludovico lançou a pedra fundamental da nova cidade.

PONTOS TURÍSTICOS

CENTRO CULTURAL

OSCAR NIEMEYER

Reúne em um só lugar vários atrativos turístico, o Centro Cultural possui exposições fixas e temporárias, além de sediar vários eventos artísticos.

O centro Cultural Oscar Niemeyer também abriga o monumento aos Direitos Humanos, museu, teatro e biblioteca.

PARQUE

DA VACA BRAVA

O Parque Vaca Brava é um parque urbano que ocupa uma área de 79.800 metros quadrados e contém um extenso lago e uma floresta com espécie nativa de fauna e flora. O parque conta com uma pista de cooper por onde passam centenas de pessoas diariamente e é famoso pelo seu chafariz, o qual é considerado um dos principais pontos de visitação do parque. Em volta há muitas lojas de alto padrão além de Shopping de Goiânia.

MONUMENTO

DAS TRÊS RAÇAS

O Monumento foi inaugurado em 1968 e foi idealizada pela a artista plástica Neusa Moraes, o Monumento foi todo esculpido em granito e bronze, sua altura atinge a marca dos 6 metros e seu peso ultrapassa os 300 kg. O Monumento foi criado para homenagear a miscigenação das Três Raças, o Negro, Índio e Branco. O Monumento às Três Raças atrai muitos turistas que visitam a cidade, se tornando um dos principais Pontos Turísticos de Goiânia.

PARQUE DO AREIÃO

O Parque Areião é uma área de preservação permanente com vegetação de floresta da galeria e vereda, abrigando espécies de fauna nativa. Composto por áreas de reflorestamento, lagos, prática de esportes.

MONUMENTO DA

PRAÇA LATIF SEBBA

Três prismas de 56 metros, com estrutura tubular de aço revestida por chapas metálicas perfuradas, apontando para diferentes direções, compõem o monumento da praça Latif Sebba, novo marco urbano de Goiânia (GO). O local, conhecido popularmente como Praça do Ratinho, nasceu de um projeto do arquiteto goiano Marco Antônio

Amaral composto pelo monumento e uma passagem de nível para melhoria de tráfego, o viaduto do Ratinho, concluídos no final de 2007. O monumento é uma referência aos primórdios da urbanização da cidade e suas pontas estão direcionadas para Leste, Oeste e Sul, as direções nas quais cresceu e cresce Goiânia

BOSQUE DOS BURITIS

É o parque mais central de Goiânia, permite um passeio por entre as alamedas cercadas de árvores e centenas de pequenos animais. É o mais antigo patrimônio paisagístico de Goiânia.

No Bosque há calçadão de cooper, lagos, cascatas e lanchonete. No local, se encontra edificado o Centro Livre de Artes, o Museu de Arte de Goiânia e duas obras de destaque: o Monumento à Paz Mundial, que abriga terras provenientes dos mais diversos países e uma fonte que chega a atingir cinqüenta metros de altura que é a maior da América do Sul.

HORTO FLORESTAL

O Horto Florestal abriga o Lago das Rosas e o Jardim Zoológico de Goiânia, uma grande área verde que serve de lazer para famílias nos finais de semana.

FEIRA HIPPIE

A feira Hippie, instalada em um ponto histórico da cidade, a antiga estação ferroviária, conta com vista para a Maria Fumaça. Pode-se comprar objetos artesanais, calçados, comidas típicas e produtos importados espalhados pelas 5.954 barraquinhas.

FEIRA DO CERRADO

A Feira do Cerrado é a maior feira de artigos artesanais. Contribui para o desenvolvimento sustentável do artesanato, culinária saudável fazendo a inclusão social dos artesãos na economia formal trazendo lazer diferenciado a toda população.

CORETO DA PRAÇA CÍVICA

O Coreto da Praça Cívica, palco de manifestações artísticas, culturais e políticas, foi inaugurado em 1942, durante o Batismo Cultural da cidade. Ao longo dos anos passou por várias modificações, como a retratada na foto, quando foi transformado em ponto de informações turísticas. Em 1978 voltou ao seu modelo original, sendo necessária a participação de um pedreiro que havia participado da primeira construção.

TEATRO GOIANIA

Criado em 1942, com o nome de Cine Teatro Goiânia, durante o Batismo Cultural da nova capital, o Teatro Goiânia mantém os detalhes arquitetônicos de sua concepção original. Uma das curiosidades sobre o local é que durante a Ditadura Militar o governo tentou construir um túnel que ligasse o Teatro ao Palácio das Esmeraldas, mas a obra não chegou a ser concluída. Com o fim da ditadura, o túnel foi fechado e já não existe mais.

CULINÁRIA

A cozinha típica de Goiânia recebe forte influência da cozinha mineira e baiana. Frutos típicos do Cerrado são bastante utilizados na culinária goiana. A culinária local guarda influências coloniais.

O café da manhã reproduz o cenário do período colonial português. Mais recentemente, em algumas comunidades foram introduzidos produtos com castanhas típicas do cerrado brasileiro como os pães a base de baru, jatobá. Frutas típicas como o caju, mangaba, genipapo, manga e jaca são utilizadas para confecção de doces e sucos. Alguns dos pratos típicos da culinária local: Arroz com pequi, arroz com guariroba, empadão goiano, galinhada.

CAMINHO DAS ÁGUAS

Nesse roteiro estão as águas quentes de Caldas Novas e Rio Quente. Um resort e um grande número de hotéis e pousadas de excelente qualidade aproveitam esse fenômeno natural, com água corrente ou retirada de poços. A temperatura da água varia de 30 a 57 graus centígrados, o ano inteiro. As cidades de Caldas Novas e Rio Quente constituem um fenômeno do turismo nacional, com mais de quinze mil leitos oferecidos. É o terceiro parque hoteleiro e o maior complexo hidrotermal do País.

Mais ao Sul do Estado, uma série de barragens de usinas hidroelétricas criaram espelhos d’água para esportes náuticos e lazer. Destaca-se Cachoeira Dourada, distante 288km de Goiânia. Com o privilégio de possuir clubes termais de água salgada, uma raridade nacional, o município tem atraído milhares de turistas de todo o país.

As águas quentes e salgadas de Cachoeira Dourada, provenientes das camadas profundas do subsolo, quando afloram à superfície, trazem em dissolução sais minerais (sulfato de sódio, bicarbonato, alcalina, cloreto, flúor, gases) que possuem diversas propriedades terapêuticas. Outras belezas naturais são Lagoa Santa, com suas águas medicinais, e o Lago Azul de São Simão,

CIDADES HISTÓRICAS E DE BELEZAS NATURAIS DE GOIÁS

CAMINHO DO OURO

Cidades como a antiga Vila Boa (cidade de Goiás), Pirenópolis, Corumbá, Jaraguá e tantas outras guardam um patrimônio histórico e cultural de rara beleza. A cidade de Goiás é reconhecida como Patrimônio da Humanidade, por reconhecimento da Unesco.

Capital do Estado até a década de 1930, a cidade apresenta um rico patrimônio arquitetônico, do período colonial, restaurado e bem conservado. Desde 1999, realiza anualmente o Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica). Acontece também, um festival anual de teatro.

Pirenópolis também pode ser visitada o ano todo, conhecida por suas belezas naturais (belas cachoeiras e trilhas) e arquitetura colonial, está a pouco mais de 100km de Goiânia. Repleta de visitantes nos finais de semana a cidade dispõe de muitos hotéis, pousadas e restaurantes e artesanatos locais.

Todas as cidades do Caminho do Ouro são de fácil acesso, por rodovias asfaltadas. Em todas elas o turismo histórico e o ecoturismo se juntam. Percorrer esses caminhos é uma verdadeira volta ao passado, pelo cenário, pela culinária e pelas paisagens do Cerrado. É o caso do Parque Estadual dos Pireneus e o de Serra Dourada.

Saiba mais sobre as belezas de Goiás:

www.cidadeshistoricasdegoias.tur.br

CIDADES TURÍSTICAS DO CENTRO OESTE

BRASÍLIA

Brasília é a capital federal do Brasil e a sede do governo do Distrito Federal. A capital está localizada na região Centro-Oeste do país, ao longo da região geográfica conhecida como Planalto Central.

CUIABÁ

Cuiabá é a cidade capital do estado do Mato Grosso. É conhecida, principalmente pelos cidadãos locais, como Cidade Verde, devido as suas várias áreas arborizadas. Já foi uma importante cidade de exploração de ouro, agora é um centro industrial de seu estado. Existem várias hipóteses para a origem do nome Cuiabá, uma delas é de que a palavra veio do Tupi “kuîaba”, que representa um tipo de cuia, outra teoria é de que se refere aos índios bororos, conhecidos também como “cuiabá”.

Cuiabá se destaca no turismo por suas belezas naturais e pelo ecoturismo. A Chapada dos Guimarães e o Pantanal são os destinos mais procurados. O município também foi tombado como patrimônio histórico do Brasil, possui uma arquitetura colonial e um centro histórico quie preserva um pouco das origens da cidade. A catedral Metropolitana do Senhor Bom Jesus e Igreja do Bom Despacho são duas construções que exemplificam essa arquitetura histórica.

CAMPO GRANDE

O município é marcado pelo processo histórico da divisão entre o norte e o sul. Foi fundado por volta de 1900 por colonizadores mineiros, movidos pelo processo de interiorização do Brasil Colônia para aproveitar os campos, pastagens e as águas cristalinas dos rios e riachos da região dos cerrados.

A Cidade Morena, nome dado graças à cor roxa da terra, foi planejada de forma a preservar o verde e as áreas arborizadas, com ruas e avenidas largas. Localizada em uma região de planalto, dela é possível ver os limites do horizonte em todas as direções. Devido à sua localização e aos processos históricos, ainda hoje apresenta uma forte relação com a cultura indígena.

A cidade possui uma boa localização dentro do estado, fator que facilitou o desenvolvimento das primeiras estradas da região, transformando-a em um grande polo de desenvolvimento. É responsável por impulsionar toda a atividade econômica e social do Mato Grosso do Sul, considerada a cidade de maior expressão e influência cultural do estado.

PANTANAL

Complexo do Pantanal, ou simplesmente Pantanal, é um bioma constituído principalmente por uma savana estépica, alagada em sua maior parte, com 250 mil quilômetros quadrados de extensão, altitude média de 100 metros

PARQUE NACIONAL DA CHAPADA DOS VEADEIROS

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral à natureza localizada na região centro-oeste do estado de Goiás, na Chapada dos Veadeiros.

CHAPADA DOS GUIMARÃES

Chapada dos Guimarães é um município brasileiro do estado de Mato Grosso. Já foi considerado o maior município do mundo, devido ao seu território anterior com cerca de 269 mil km²

RIO ARAGUAIA

O rio Araguaia é um curso de água que banha os estados de Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Pará, no Brasil. Em julho se inicia a temporada de praias, onde a diversão é garantida.

O CERRADO

É a segunda maior formação vegetal brasileira. Estendia-se originalmente por uma área de 2 milhões de km², abrangendo dez estados do Brasil Central. Hoje, restam apenas 20% desse total. Típico de regiões tropicais, o cerrado apresenta duas estações bem marcadas: inverno seco e verão chuvoso. Com solo de savana tropical, deficiente em nutrientes e rico em ferro e alumínio, abriga plantas de aparência seca, entre arbustos esparsos e gramíneas, e o cerradão, um tipo mais denso de vegetação, de formação florestal. A presença de três das maiores bacias hidrográficas da América do Sul (Tocantins-Araguaia, São Francisco e Prata) na região favorece sua biodiversidade.

o hotel

Requinte e excelência em atendimento esperam por você no K Hotel. Foram anos dedicados exclusivamente ao planejamento da melhor estrutura e qualidade em serviços que tornarão sua estada inesquecível. Somado a tudo isso, a localização pensada para quem vem a Goiânia a negócios ou a lazer. O K Hotel está localizado em uma das regiões mais privilegiadas da cidade, próximo a polos comerciais, principais atrativos de lazer, aeroporto e importantes vias de acesso.

APOIO

PROGRAMAÇÃO

INSCRIÇÕES

Acesse o projeto de patrocínio

Organização e comercialização

Email:

contato@annabarroseventos.com.br

annabarros-viconape@febrapam.org.br

Telefone:

(62) 3941-5774 – (62) 3941-5776

WhastApp Informações:

(62) 99908-5774

Agência de turismo oficial

Email:

valeria@viajebemmais.com.br

consultor@viajebemmais.com.br

Telefone:

(62) 3251-1057

WhastApp Informações:

(62) 98332-1188

Website:

www.viajebemmais.com

Copyright © 2017. Todos os direitos  reservados à FEBRAPAM.

Desenvolvido por

CQueiroz Comunicação